DarkCheats

Darkcheats


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

#1
 Sales'

Administrador
Administrador
avatar
IIIIIIIIIIIIIIIIIiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiae pessoal tudo bein ? Aqui quem fala é o meu c* e nao sei o que rima com u.
Novamente: Pra mim o importante nao é cores,neon,e esses efeitos. O importante é que o tópico seja legivel e que dê para entender.

Introdução
Hoje eu vou tentar ensinar um pouco para se protejer dos males de alguns programas mal intencionados.

O que Fazer ?
Quando for efetuar um download (ato de baixar, pegar algo da internet), a primeira coisa que devemos pensar é o scan.
Muitos menosprezam e acham besteira...
Muitas vezes o scan apresenta ameaças,como Turkojan, Trojan e outros tipos de vírus.
Se você por acaso ver um scan e ele estiver limpo,desconfie.A técnica usada para isto pode ser arquivo com senha,ou outo arquivo scanneado com parecida denominação,causando assim,o engano de muitos
Baixe o arquivo que é desconfiável ao seu ver,e realize o scan você mesmo,e tire suas própias conclusões.
Se por caso possuir mais de 30% de vírus,reporte como ''Postagem de vírus''.


Faça seu scan através do site virustotal.com

Se o scan não estiver presente no tópico reporte como '' Download sem scan''.
Caso o scan postado seja falso,reporte como ''Scan falso''.
Vejamos logo abaixo exemplo de um scan falso,comparado ao verdadeiro:

SCAN FALSO/FAKE:

Perceba que o site indicou apenas 1 vírus.

SCAN VERDADEIRO

Perceba que,indicou vários vírus mais que 30%.

Aprendendo um pouco mais sobre os principais vírus.

Saiba primeiro o que é um vírus:
- Um vírus de computador é um programa malicioso desenvolvido por programadores que, tal como um vírus biológico, infecta o sistema, faz cópias de si mesmo e tenta se espalhar para outros computadores, utilizando-se de diversos meios.

Tipo de vírus de computador:
Arquivo.
Vírus que anexa ou associa seu código a um arquivo. Geralmente, esse tipo de praga adiciona o código a um arquivo de programa normal ou sobrescreve o arquivo. Ele costuma infectar arquivos executáveis do Windows, especialmente.com e .exe, e não age diretamente sobre arquivos de dados. Para que seu poder destrutivo tenha efeito, é necessário que os arquivos contaminados sejam executados.
55% O uso de antivírus.

Backdoor.
Como o próprio nome diz, é um vírus que permitem que hackers controlem o micro infectado pela "porta de trás". Normalmente, os backdoors vêm embutidos em arquivos recebidos por e-mail ou baixados da rede. Ao executar o arquivo, o usuário libera o vírus, que abre uma porta da máquina para que o autor do programa passe a controlar a máquina de modo completo ou restrito.
0%, ou seja, caso se não formate seu computador o mais rápido possível o cracker (lançador) irá roubar arquivos importantes como Banco.
A proteção mais comum contra Backdoors em computadores pessoais é o uso de firewall e de IDS. De modo geral, Backdoors que atuam através da internet podem ser facilmente detectados pelo sistema IDS ou impedidos de atuar pelo firewall.

Boot.
Vírus que se infecta na área de inicialização dos disquetes e de discos rígidos. Essa área é onde se encontram arquivos essenciais ao sistema. Os vírus de boot costumam ter alto poder de destruição, impedindo, inclusive, que o usuário entre no micro.
30%
Uso de senha.

Cavalo de Tróia.
O cavalo de Troia é um programa que tem um pacote de vírus que é usado geralmente para destruir um computador. os cavalos de Tróia permitiam que o micro infectado pudesse receber comandos externos, sem o conhecimento do usuário. Desta forma o invasor poderia ler, copiar, apagar e alterar dados do sistema. Atualmente os cavalos de Tróia agora procuram roubar dados confidenciais do usuário, como senhas bancárias.
Dependerá do tempo presente e a força existente nele.
Antes de mais nada, para evitar que máquina seja vítima de um ataque do cavalo de tróia, evite rodar qualquer arquivo executável encontrado na rede ou recebido por e-mail. Mesmo que você receba um executável de um conhecido ou amigo, procure saber antes a procedência do mesmo.
• O controle deve começar pela identidade digital do usuário. Login e senha são identificações particulares que merecem o máximo cuidado e sigilo. A troca periódica da senha é um bom começo para quem não quer dar chance ao azar.
• A maioria dos programas anti-vírus combate alguns dos Cavalos de Tróia comuns, com vários graus de sucesso.
• Há também programas "anti-cavalos de Tróia" - software bastante específicos - disponíveis.
• Mas sua melhor arma ainda é o bom-senso e o "conhecimento".

Script.
Vírus programado para executar comandos sem a interação do usuário. Há duas categorias de vírus script: a VB, baseada na linguagem de programação, e a JS, baseada em JavaScript. O vírus script pode vir embutido em imagens e em arquivos com extensões estranhas, como .vbs.doc, vbs.xls ou js.jpg.
75%
Uso do antivírus.

é isso darkcheatianos (kkkkk q palavra é essa)..Espero que vocês tenham gostado pois deu trabalho pra pegar o ctrl+v e ainda ter que arrumar erros de códigos e de portugues --'

Créditos
PeeuAlves (descobri por ele)
Sales' (por melhorar o tópico)



Time is money !







Ver perfil do usuário http://darkcheats.playogame.com

#2
 Sonical2

Membro
Membro
avatar
Fechado e Fixado.



Ver perfil do usuário

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum